Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Faça você mesmo’

Fazendo parte do projeto pessoal Reviva Casa da Praia, resolvi reanimar um canto abandonado da sala. Ali morava uma cadeira onde ninguém sentava. Casa antiga, a questão tomadas era delicada: uma só, na sala inteira. Dá para imaginar o quanto a pobre era abusada, nesse novo mundo de TV, DVD, telefone, modem e abajur… A solução foi criar novas tomadas,  “puxando” de outros aposentos. Sim, canaleta externa, fazer o quê?

O fato é que um novo canto, agora com tomada, precisava de objetos novos. E eu, que prefiro luzes indiretas, decidi que precisava ser uma mesa que abrigasse esse novo ponto de luz. E precisava ser uma mesa de um jeito bem específico, porque eu tinha decidido e pronto. Só que era caro. E eu não queria gastar muito. Assim, mandei fazer a mesa no marceneiro que também faz os nossos bancos. Saiu beeem mais barato e aí foi só descobrir como fazer para ficar daquele jeito com o qual eu tinha encasquetado. Olhe a mesa e, se interessar, o passo a passo está descrito logo abaixo.IMG_5501 2

IMG_5490 2

IMG_5538

Observe o banquinho embaixo da mesa feito por minha mãe. E, não, eu não lembrei de tirar uma foto descente dele…

PicMonkey Collage

É louco de fácil:

1. Tingir a madeira na cor que preferir (essa está na cor tabaco), pois ela vem na cor do pinus natural, aquela que está atrás da mesa na primeira foto.

2. Crie tábuas desenhando no tamanho que desejar, com lápis branco.

3. Passe uma vela, sem grandes métodos, pela área que será pintada (é nessas partes com a cea que, ao lixar depois, ficará aquela aparência de patinado).

4. Pinte das cores que desejar.

5. Depois de seco, lixe com lixa fina, na medida do desgastado que pretende.

6. Nessa mesa, finalizei com cera, passada em todo o tampo. Se quiser um aspecto mais envelhecido, misture a cera com betume. Quando estiver bem seco (leva uns dois dias), lustre com bombril e talco. Se preferir, ao invés da cera, também pode finalizar com verniz acrílico fosco.

A temporada também rendeu a pintura de mais um pedaço de madeira recolhido no mar. E a inspiração veio do Pinterest, o melhor amigo das mentes copiadoras.

FullSizeRender 4

il_570xN.419440168_h69a

Você também pode gostar de…

DSCN3167Pinturas de praia

DSCN2990aMesa para criança

DSC03872Um tábua, um centro

Anúncios

Read Full Post »

Chalk-Line

Cismei que queria um quadro negro para minha cozinha. E ele, como o próprio nome diz, precisava ser negro, e não verde, como os que encontramos em qualquer papelaria.

Por isso, acabei fazendo um. Contei com a ajuda de quem faz todas as molduras de meus quadrinhos-mil. Moldura e dimensões definidas, pedi que ele cortasse uma prancha de mdf no tamanho e a deixasse acessível para a pintura.

Munida de tinta específica para quadro negro (negra, certo?), pincel e rolinho para uniformizar a superfície, o meu sonho se realizou.

Escolhi frase, letras, giz e pronto, lá está ele na minha cozinha.

E eu aqui, feliz.DSC_0621

DSC_0624 DSC_0626 DSC_0640 DSC_0643* frase do Mia Couto.

E pelo que vi no Pinterest, essa latinha cheia de tinta para quadro negro vai ter vários destinos.

Unknown

Você também vai gostar de…

DSC_0170Eu não falei?

Captura de Tela 2012-11-17 às 11.26.51Registros

treeFrases 

Read Full Post »

DSC_0158 Todos os anos, no Natal, tento fazer centros de mesa diferentes usando as mesmas coisas. Parece fácil, mas não é. Esse ano amanheci um dia decidida que precisava de uma tábua de madeira de demolição para meu centro de mesa natalino/2013.

Decidi e esqueci. Apaguei da mente. E só fui lembrar do desejo que implicava em longa procura por marcenarias e lojas especializadas, no dia 23 de dezembro… Que tal como plano sem futuro? Mas, como os despreparados se banham nos mares da sorte, encontrei uma porção de madeira quase sendo jogada fora ao lado do lixo, no meu prédio. Assim, caída no meu colo. Não era bem o que eu queria, pois era um pedaço de pau sem graça nenhuma e muito maior do que eu precisava.

Considerando o adiantado da data, serrei aquilo e transformei em uma tábua de madeira de demolição. Ficou do jeito que eu queria e, em seguida, virou o centro imaginado.

DSC03870 DSC03872 O centro de mesa ficou assim: DSC_0151 DSC_0150a DSC_0154 O centro da outra mesa: DSC_0174 Agora, toca esperar o próximo Natal.

Você também vai gostar de…

Captura de Tela 2012-12-29 às 19.42.08Meu Natal e bye!

DSC03370Faça presentes

DSCN2983Mesa do Snoopy

Read Full Post »

Natal virou consumo, gastos obrigatórios, orçamentos apertados. E uma mesmice na hora de presentear: uma roupinha, um creme ou perfume, o livro da moda. Que tal inovar? Criar presentes? Aqui já falamos de tudo. De alguma ideia você há de gostar, algum talento você há de ter.

Mesmo que não seja exímio(a) cozinheiro(a), prepare Mango Chutney. É muito fácil, basta seguir a receita, ter todos os ingredientes, jogar tudo numa panela e depois de uma hora você tem vários potinhos lindos para dar de presente. Mango Chutney acompanha carnes ou batatas assadas, um creme agridoce cheio de especiarias.

Que tal bolachinhas de gengibre? Essas exigem um pouco mais de habilidade culinária, mas é lindo ver aquelas fornadas cheirosas saindo cheias de biscoitos dourados. Encha um pote, uma cestinha, envolva em celofane e pronto.

Presenteie suas receitas preferidas. Fiz isso no ano passado. Comprei um caderninho lindo e nele escrevi muitas das minhas receitas de doces e comidas do cotidiano. Dei de presente para minha irmã que estava indo morar no Peru (devidamente fotocopiado para o resto da família).

Personalize. Sem os gastos e empenho de tempo do scrapbooking, simplesmente reúna fotos do presenteado e faça um álbum. Complemente com comentários e passe a mensagem que quer: de amor, de amizade, de saudade.

Sabe desenhar? Para uma criança pequena, faça um contador de histórias. Se desenho não for a sua praia, faça assim mesmo, com fotos, recortes de revista, ilustrações que você procura na internet. E veja como usar aqui.

SONY DSC

Escreva. Faça um verso, descreva um sentimento, enalteça qualidades. Escritos ficam. Quer surpreender ainda mais? Ponha num envelope e mande pelo correio.

Se tudo parecer estar perdido, pinte pedras. Fáceis de encontrar e de realizar.

   Daqui

Daqui

Por fim, olhe em volta. E doe. Um livro, um brinquedo, uma roupa, um abraço, seu tempo. Alguém está precisando desse seu presente, tenho certeza.

Uma última ideia, não feita por você, mas que pode ajudar o Hospital Pequeno Príncipe: a Agenda 12×12, de Ana Camargo Design, onde doze mulheres compartilham suas experiências, vivências e valores. Cada mês propõe um novo jeito de escrever com linhas diferentes e traz um ícone do gênero feminino da história brasileira para nos inspirar.

02-2

Você também pode gostar de….

Natal feito em casa

Natal lembra vermelho

Você tá feliz?

Read Full Post »