Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Decoração’

Meu filho foi morar em outro canto, isso todo mundo já sabe. Estranhei no começo, mas agora vejo que essa é a ordem natural das coisas. E eu ganhei por tabela um lugar para ajudar a encher com os detalhes necessários e nem sempre visíveis aos olhos masculinos.

Assim, Leo ganhou um banco para ser curinga pela casa. Fiz com cores que combinam com o ambiente.

DSC01942

DSC01946

Ganhou umas peças de cerâmica da Raquel, com as mesmas funções que acostumou a ver aqui em casa: um recipiente para carteira, chaves e celular ao entrar em casa. E um copo para escovas de dente no banheiro.

DSCN3491

DSCN3489

DSCN3494

Na parede, um quadro do Foca Cruz retratando um dos livros preferidos de meu filho, O Apanhador no Campo de Centeio, J.D.Salinger.

DSCN3493

A próxima meta é um quadro a óleo ou acrílico para a parede,  que não sei nem por onde começar a fazer. Aliás, sei sim. Vou fazer aula de pintura. Adoro aprender coisas novas. Vamos nessa.

Você também vai gostar de …

DSC_2071Como vivíamos sem?

DSCN2623Bancos novos

Captura de Tela 2012-03-27 às 12.30.51As telas de Renê

Read Full Post »

Minha mãe pediu ao seu marceneiro para fazer um modelo antigo de banquinho, prático por ter um orifício para carregá-lo por aí. Olhando-os, imaginei crianças se deslocando por suas casas, banquinho na mão, escolhendo onde vão sentar os seus corpinhos ou as estantes que vão poder alcançar. Não resisti!

Uma menina, delicada e bailarina, só podia ter um banquinho cor-de-rosa e tendo como tema o ballet.

Um menino que gosta de animais, partimos para um tigre.

E o que gosta de carros…. um banco motorizado!

O que gostei nesse modelo de banqueta é que seus pés possibilitam aproveitar o espaço para desenvolver o tema.

Veja MUITOS mais bancos aqui:

DSC_2089

Mais bancos para crianças em Fadas no banquinho e Mickey no banquinho.

Você também vai gostar de…

Belos apoios

Mais criança

Cartão de visita

Read Full Post »

Pratos são práticos, funcionais e decorativos. Quem vive sem eles? Na Itália existe uma tendência pelo uso de pratos de papel… Eles podem ser lindos com suas mais diversas estampas que combinarão com qualquer coisa que a gente inventar servir, além de práticos, pois não precisam ser lavados, apenas descartados. Mas sou preocupada demais com produção de lixo para entrar nessa. Prefiro os pratos de porcelana, de cerâmica, de madeira, que duram eternidades e permitem criar jogos e combinações com sousplats e guardanapos (outra mania).

Este slideshow necessita de JavaScript.

No site da Casa e Jardim você vai ver algumas ideias para usar pratos na decoração.

E no A Plate a Day, como o próprio nome diz, a autora mostra um prato por dia. E ela está no 669… E já que você está passeando, aproveite e veja os pratos da Cynthia no Papegilla (não esqueça de dar uma olhada nos passarinhos…). Para finalizar, veja nosso post sobre Caleidoscópios, onde mais dos nossos pratos aparecem.

Pratos combinam perfeitamente com bolos, portanto te convido a visitar esse passo a passo para um Blueberry Crumb Cake no blog da Marina: www.doceconfissao.wordpress.com

Esse prato pintado pela Mari no atelier da Magda ficou lindo e o pudim de leite (clássico dos clássicos) tem a receita logo abaixo.

Pudim de Leite

1 lata de leite condensado

1 latas de leite

4 ovos

3 colheres de sopa de conhaque

Coloque 3 colheres de sopa de açúcar em uma forma com furo de   cm, leva ao fogo para caramelizar. Coloque todos os ingredientes em uma tigela e bata suavemente com o fouet. Coloque a mistura na forma e essa, por sua vez, em uma panela com água quente sem encostar no fundo. Cubra com papel alumínio e leve ao forno médio por 45 minutos. Retire o alumínio e deixe mais 10 minutos no forno (ou até ficar um pouco firme). Desenforme depois de esfriar. Derreta o açúcar que tiver ficado no fundo da forma com um pouco de água ou suco de laranja e jogue por cima do pudim.

Outros pratos  e delícias em…

DSCN1776

Torta de requeijão 

Um prato, muitas receitas

Imagens de um bazar

Read Full Post »

Conforme combinado, hoje apresentaremos a sala azul. Do mesmo jeito da sala vermelha, existe aqui uma forte tendência a manter uma combinação básica de cores.

Olhando em volta, procuro a peça que desencadeou tudo e culpo o sofá. Sim, um sofá que me acompanha (ou persegue) desde que casei. Já foi branco (pré-filhos, é claro), listrado em tons pastel e marrom. Na mudança para a casa atual, resolvi me encantar com um tecido azul petróleo… Sim, definitivamente, foi aí que tudo começou.

Cantos da sala azul

Até as capas dos DVDs combinam…

O quadro em cima da cristaleira é da nossa amiga Kamo.

Tudo azul…

O sofá! Precisando de um tecido mais azul!

Agora, nossas coisas azuis!

Tigelinha da Raquel.

Caixa da Jô. Bandana.

Cerâmica da Raquel. Azul no meio do azul.

Para uma sala azul, a toalha só podia ser… azul! Essa é da Ângela e Eloísa e a saladeira da Raquel.

Potinhos da Emília Wanda. Delicados e perfumados.

Passarinho lembra céu. E céu é azul! Esse é um dos quadros da Emília Wanda.

Veja mais azul em…

Pinturinhas de praia

Grécia

Read Full Post »

Amigas que se conhecem há muito tempo inevitavelmente sabem coisas umas das outras, sem que precisem ser ditas, apenas pela convivência. Está certo que essa minha coisa até quem não me conhece percebe logo que entra em minha casa: há uma tendência semi-obsessiva por combinações de cores. Assim nascem os conceitos sala azul x sala vermelha. Leia-se: na vermelha, tudo que tende para as cores quentes, aí admitindo tons de alaranjado; na azul, uma preferência evidente pelos tons que vão do azul esverdeado ao piscina, com alguma concessão para os tons de roxo, lilás, rosa forte…

Deu para perceber a neura? Dá para imaginar o quanto se divertem me ameaçando trazer presentes amarelos, que não combinam com nenhum dos dois espaços?

Enfim, vamos ver como isso funciona.

Cantos da sala vermelha

Cachepô da Raquel. Caixa da Jô. Miniaturas da Emília Wanda.

Cadeiras da avó. Revestidas de vermelho.

Essa caixa esconde um ateliê…

Tons de alaranjado são permitidos.

Contemplação.

Agora, vamos ver as coisas que fazemos que são… vermelhas!

Xícaras de café. Vermelhas. Da Raquel.

Como podem ver, tem muito vermelho. Bandejas e caixa da Jô. Cerâmicas da Raquel.

Pote de cerâmica da Raquel… Vermelho.

Ok. O cachepô não é vermelho. Mas pode. É da Raquel. A bandeja é da Jô.

Banquinho da Angela.

Detalhes vermelhos. Avental da Ângela e Eloísa. Panos Divertidos.

Caixa da Angela.

E aguardem. Amanhã, com vocês, sala azul e suas coisas azuis!

Você também pode gostar de ….

DSCN0836

Natal lembra vermelho

Captura de Tela 2013-02-23 às 11.23.07

Nós e cores – Tie Dye

Read Full Post »