Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Sabedorias’ Category

Sabedorias

A cada dia, identifico um novo sinal da passagem do tempo – o rosto craquelado quando sorrio, estalos de um biscoito cream cracker quando levanto de uma cadeira,  o pé dói quando uso salto, a mão dói quando escrevo ou desenho, o pescoço exige sempre o mesmo travesseiro e acho que em breve vou ter que me render aos óculos de leitura que repousam tranquilos no criado-mudo. E já não sei mais como se escreve criado-mudo, como boa idosa vou ficar teimando que é do jeito que aprendi quando estive na escola e pronto. Habilidades também têm seu declínio, meus filhos decidiram que sou péssima motorista, não sabem como sobreviveram a tantos anos de idas e vindas a escolas, dentistas e natações….

Mas é tudo físico, tudo corpo, tudo fazendo parte de um processo natural, portanto esperável. Ao qual uns se rendem, outros combatem e outros até conseguem apreciar. Significa que estamos vivos, simples assim.

Mas tem uma coisa que melhora, e muito, e saber que não fomos feitos para ser para sempre, é seu primeiro indício: a sabedoria. Com o passar dos anos, temos mais tempo de avaliar as prioridades e desenvolver pequenas conscientizações como as que tenho colhido e compartilho aqui:

o tempo é um bem precioso. Não desperdice com coisas que não quer fazer.
– merecemos dedicar parte de nosso dia para, conscientemente, fazer algo que dá enorme alegria.
– tudo o que agora parece insuportável, passa.
– calma é fundamental para analisar, decidir e agir.
– procurar culpas não resolve. O que resolve é procurar soluções.
– bom humor é o que garante a leveza de um relacionamento.
– o tom existe. A mesma coisa, dita de forma rude ou gentil, tem resultados diferentes.
– tudo tem dois lados.
– perfeição é um conceito muito relativo, individual e subjetivo. Portanto, inalcançável.
– planejar facilita o dia, o futuro. Continuam sendo uma incógnita, mas ao menos a gente faz a viagem mais organizado.
– quando quer conversar e falta assunto, pergunte e ouça. A conversa brota.
– ter amigos faz bem à saúde.
– franqueza tem limite.
filhos não podem achar que são o centro do universo. Devem ser educados e não agradados. Lá fora, tem um mundo real.
gentileza desarma e, realmente, gera gentileza. É contagiosa.
– dormir pouco pode ser ruim para a saúde, mas é ótimo para o seu dia seguinte: você acorda com a agenda definida.
– as pessoas são diferentes, cada uma é de um jeito. Acostume-se a isso. Inclusive, tudo o que está escrito aqui são coisas que eu penso. Você pode pensar totalmente diferente e eu respeito isso.

Agora, me diga uma conclusão sua.

Essa música é simplesmente linda e fala de algumas pequenas sabedorias. Deixe que o beijo dure. Deixe que o tempo cure.

Foto: daqui.

Você também pode gostar de…

Resistências

Faça aos outros

Novas relações

Read Full Post »