Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Croquis Urbanos’ Category

DSCN3737
Que minha mãe é uma professora de pintura em madeira sensacional, todo mundo sabe. Ela parou de dar aulas, mas eu, por ser meio próxima, filha mais velha e coisa e tal, tenho pleno acesso a seus desenhos e modelos. Na verdade, todas as alunas da Christa, hoje suas amigas queridas, podem se servir sempre da fonte de belezuras que ela produziu.

Bem, eu queria um banquinho para levar quando fosse desenhar no Croquis Urbanos. Um banquinho desses que vivo pintando para crianças e minha mãe tinha pintado vários, não infantis. Fui lá, escolhi um desenho e pintei o meu. Ficou lindo e, como sempre, agradeço a quem me inspira: obrigada, Mami.

DSCN3745

DSC03520

Você também pode gostar de…

DSCN0717Bancos e mais bancos de madeira

01Mães

De onde vem a inspiração?

Anúncios

Read Full Post »

DSC03522

Você já teve vontade de fazer uma coisa e ficou empurrando essa vontade para a frente? Desculpas de todas as origens amarravam a realização daquilo? Uma dieta que precisa esperar passar a festa da Tia Chiquinha, daqui a três meses;  o cabelo ruivo que está sempre aguardando a próxima visita ao salão, e  a próxima, e a próxima. Aquele desejo enorme de ir fazer aula de dança (ou pintura, cerâmica, costura, culinária, francês, natação, carpintaria, yoga, meditação, salsa – escolha sua alternativa, você há de ter uma) e que está sempre esperando tempo livre ou dinheiro sobrando…

DSC03521a

Bem, eu tinha uma vontade de participar do Croquis Urbanos, um grupo de desenhistas e simpatizantes que acontece aqui em Curitiba. Essa iniciativa existe pelo mundo inteiro, mais conhecida como Urban Sketchers: um pessoal que pratica o desenho de observação, se reúne e desenha em locais agendados através de uma página no Facebook. Simples assim, você simplesmente aparece ali, munido do que tiver – papel,  prancheta, lápis de cor, tinta, o que te der na veneta, um banquinho, cadeira ou canga e vai. Tem duas horas para escolher o ângulo que quer desenhar o que quiser: a construção, a paisagem, uma flor. Depois se encontra com o grupo e todos colocam seu desenhos no chão.

DSC03531

1379815_537586456317126_1497115237_n

Não tem regra, não tem bonito, não tem feio. Tem só a vontade de passar um tempo em algum lugar da sua cidade retratando o seu olhar sobre ele.

Eu fui. Meio insegura, meio perdida, sem saber bem o que fazer. O desenho ficou assim, assim. Mas fui. Matei minha vontade. Ou melhor, criei uma nova: a de voltar sempre.

DSC03529
Quer saber mais sobre o Croquis Urbanos – Curitiba:? Entre aqui.
Sobre o banquinho? No próximo post.
Foto dos croquiseiros na ponte: Cassio Shimizu
Você também pode gostar de…
Captura de Tela 2013-07-03 às 19.45.44

Read Full Post »